sexta-feira, 26 de junho de 2009

LITERATURA

Escritor Milton Freire lança o livro Vida Poesia no dia 30 em Goiânia


O escritor Milton Freire convida para o lançamento do seu livro “Livro Vida Poesia”, no dia 30 de junho, às 19 horas, na sala Solon Amaral, na Assembleia Legislativa de Goiás. Inspirado em Clarice Lispector, Milton Freire conta que, após visitar uma exposição da escritora no Rio de Janeiro, sentiu-se como um dos seus personagens, que após um evento inesperado são tomados por certa perturbação seguida de iluminação. Segundo ele, no livro Vida Poesia, o sonho do poeta foi libertar-se para estar de volta a uma sensação plena de vida. Ao escrever o livro, ele afirma ter superado o diagnóstico de esquizofrenia, as longas internações, os eletrochoques e os choques insulínicos, que deixaram fortes seqüelas de pânico e interromperam suas tentativas de estudar e trabalhar.

Após anos de internações no Rio de Janeiro, Milton Freire se tornou militante da Luta Antimanicomial pelo Brasil. Segundo ele, as sequelas deixadas pelos tratamentos desumanos nos hospitais psiquiátricos foram superadas através da própria literatura, que preencheu sua solidão. Milton afirma que somente conseguiu retomar sua vida e se recuperar após se adaptar a um tratamento em serviço aberto com Nise da Silveira. Com seu esforço autodidata, ele fez o supletivo, prestando exames e eliminando matérias, sem poder freqüentar sala de aula. Conseguiu até passar em vestibulares, mas as crises não permitiam a conclusão dos cursos. Paralelamente, recuperou sua vida afetiva, formando uma família longe dos pais, quando passou a ter um intenso engajamento na Luta Antimanicomial, da qual também foi pioneiro. Fez o primeiro manifesto sobre a condição dos usuários em 1977, publicado em carta para o Jornal do Brasil e reeditado no livro “Artaud – A Nostalgia do Mais”.

Entre as publicações de Milton Freire há textos nos livros“ A Instituição Sinistra – Mortes Violentas em Hospitais Psiquiátricos”, do Conselho Federal de Psicologia - 2001; “Loucura, Ética e Política: Escritos Militantes”, da Casa do Psicólogo, e o texto “Uma Estranha Arte”, na Revista Quaternio, 2001. Em sua carreira, Milton Freire é diretor do Instituto Franco Baságlia do Rio de Janeiro – IFB, no Rio de Janeiro, e Representante da Rede Nacional Internúcloes da Luta Antimanicomial na Comissão Intersetorial de Saúde Mental do Conselho Nacional de Saúde. Também viaja pelo Brasil incentivando e colaborando com a criação de associações de Usuários de saúde mental e ainda colaborando com as discussões e implantação de novos serviços de saúde mental.



Anote
Lançamento do Livro Vida Poesia, de Milton Freire
Data: 30 de junho de 2009
Horário: 19 horas
Local: sala Solon Amaral, na Assembleia Legislativa do Estado de Goiás

2 comentários:

Paulinho Legal disse...

Parabéns Miltom freire. Sucesso e muita Paz e alegria neste empreendimanto.

Paulinho Legal disse...

Desculpe-me Minton, escrevi o seu nome errado no outro comentário. Que você seja muito feliz nos seus empreendimentos! Um abraço!